Quarta-feira, 13 Dezembro, 2017

EUA colocam Coreia do Norte na lista dos patrocinadores do terrorismo

EUA recolocam a Coreia do Norte em lista de apoiadores do terrorismo mundial Trump declara Coreia do Norte um “estado patrocinador do terrorismo”
Viriato Gomes | 22 Novembro, 2017, 00:24

O Presidente dos EUA, Donald Trump, colocou a Coreia do Norte na lista de estados "patrocinadores do terrorismo".

As sanções aprovadas nesta terça-feira estão focadas principalmente contra empresas "que fazem negócios com a Coreia do Norte por montantes acumulados que alcançam centenas de milhões de dólares", anunciou o secretário de Tesouro, Steve Mnuchin, em um comunicado.

Em declarações durante uma reunião do gabinete na Casa Branca, Trump disse que a Coreia do Norte deveria ter sido redesignada como um patrocinador estatal do terror há muito tempo.

"Embora não tenha havido nenhum sinal iminente de realização de testes nucleares no local de teste de Punggye-ri, o NIS vê que é possível que o Norte conduza um novo teste a qualquer momento, tão logo Kim Jong-un tome a decisão", disse o deputado Yi Wan-young, do principal partido opositor Liberdade da Coreia e membro do Comitê de Inteligência.

Durante a viagem de Trump ao Japão, um alto funcionário da administração discutiu o raciocínio por trás da redefinição da República Popular Democrática da Coreia numa entrevista coletiva em Tóquio em 5 de novembro.

Temer convida deputado Alexandre Baldy para ocupar o Ministério das Cidades
Nesta segunda (20), o deputado formaliza a saída do Podemos - e não irá se filiar a nenhum outro partido por enquanto. Segundo o blog apurou, Baldy aceitou o convite e a posse está prevista para ocorrer na próxima terça-feira (21).

Ex-assessor afirma ter destruído provas a pedido de Geddel, diz revista
Job contou que fazia a contagem dos valores quando o dinheiro chegava ao apartamento em Salvador. Em 2011 passou a ser funcionário de Lúcio Vieira Lima, mas foi exonerado em outubro deste ano.

Maués terá mutirão de exames — Novembro Azul
A incidência também é maior em homens negros, que devem fazer os exames anualmente a partir dos 45 anos. Um em cada seis homens é alvo da doença.

Em seu anúncio, Trump apontou "atos de terrorismo" cometidos pela Coreia do Norte, incluindo assassinatos em solo estrangeiro, além de lembrar pessoas afetadas pela "brutalidade" do regime, como o estudante americano Otto Warmbier, que morreu dias depois de retornar aos EUA, em coma.

É difícil prever o impacto econômico de sanções adicionais considerando o peso atual das sanções da ONU já existentes, mas um especialista na designação anterior do regime disse que o movimento isolará ainda mais o regime.

A concretizar-se este anúncio de Trump, o regime norte-coreano junta-se a uma lista que já inclui outros inimigos dos Estados Unidos: o Irão, a Síria e o Sudão, ainda que, recentemente, este país tenha vindo a regressar às boas graças de Washington.

Ele ficou preso durante 17 meses na Coreia do Norte. A Coreia do Norte já fez parte da lista, da qual foi retirada em 2008, em busca de um acordo para impedir o seu desenvolvimento nuclear.

"[Trump] anunciou que os EUA estão novamente designando a Coreia do Norte como um Estado patrocinador do terror", disse Sanders em uma mensagem do Twitter.

Governo português diz que acordo com professores é financeiramente sustentável Governo português diz que acordo com professores é financeiramente sustentável As negociações, que apenas se iniciaram na passada terça-feira, conheceram várias reviravoltas e discursos contraditórios, com o Governo a evoluir de uma posição intransigente que não previa qualquer descongelamento e progressão dos professores num futuro próximo para aquela que permitiu assinar a declaração de compromisso.

Donald Trump é condenado à morte na Coreia do Norte Donald Trump é condenado à morte na Coreia do Norte De acordo com Shuang, a iniciativa de "concessão por concessão" permanece como um "primeiro passo". Segundo o porta-voz chinês, a posição do país não mudou.

MCDonald's anuncia refil grátis de batatas fritas na Black Friday MCDonald's anuncia refil grátis de batatas fritas na Black Friday É que na próxima sexta-feira (24), o McDonald's irá aderir a Black Friday e oferecerá refil de McFritas aos clientes. Em contrapartida, nem todas as franquias do McDonald's vão participar da campanha.