Terça-feira, 17 Outubro, 2017

Coreia do Norte diz que Trump declarou guerra

Bombardeiro norte-americano em exercícios militares na Coreia do Sul a 18 de setembro South Korea Defense Ministry  H Bombardeiro norte-americano em exercícios militares na Coreia do Sul a 18 de setembro South Korea Defense Ministry H
Viriato Gomes | 26 Setembro, 2017, 00:30

Ri Yong Ho afirmou ainda que Pyongyang têm o direito de tomar medidas, que incluem abater os bombardeiros dos Estados Unidos, mesmo que estes não se encontrem no espaço aéreo do país.

Ri Yong Ho alertou de que a Coreia do Norte está a entrar na "fase final" de criação de um sistema nuclear, que considera uma "medida de autodefesa" para evitar que os Estados Unidos possam realizar "uma invasão militar". O lançamento da propaganda vem após caças e bombardeios americanos voarem bem próximos a região da Coreia do Norte, no último sábado (23).

Para Pyongyang, os comentários de Trump são "um insulto intolerável para com o povo coreano, uma declaração de guerra contra a RPDC (República Popular Democrática de Coreia, nome oficial do país) e graves ameaças contra a paz mundial".

O ministro acusou também o Presidente norte-americano, Donald Trump, de ter "declarado guerra" ao seu país no discurso que proferiu na semana passada na Assembleia-Geral da ONU, em que ameaçou "destruir totalmente" o país asiático. "Perante esta declaração, todas as opções estarão em cima da mesa", disse Ri Yong-ho, citado pela CNN, acrescentando que o mundo "deve lembrar-se claramente" que foram os EUA que declararam guerra em primeiro lugar. "Ninguém além de Trump está em uma missão suicida", afirmou o ministro.

Filipe Luis vibra com volta de Diego Costa ao Atlético de Madrid
Clube inglês informou esta quinta-feira ter chegado a um acordo com o Atlético para a transferência de Diego Costa . A confirmação do acordo por parte dos clubes chega pouco depois da imprensa espanhola adiantar a informação.

Marco Silva goleado em casa pelo Manchester City — Inglaterra
David Silva cruza com efeito na área e o zagueiro Otamendi aparece entre a zaga para completar de cabeça. O Newcastle é o quarto, um ponto acima do Huddersfield Town, que empatou em 1 a 1 com Leicester City.

Vieira garante ter "total confiança" no plantel e em Rui Vitória
Marques continuou a abordar o tema, salientando que o valor do salário em questão seria eventualmente baixo. Marques, diretor de comunicação do FC Porto, volta a lançar farpas ao Benfica.

Ri disse que Trump é "uma pessoa mentalmente perturbada cheia de megalomania e complacência", com o dedo no "botão nuclear". Para Pyongyang, Trump tem a intenção de transformar a ONU em um "ninho de gângsters" onde o "derramamento de sangue é a ordem do dia".

Venezuela, Coreia do Norte e Chade foram incluídos neste domingo em uma nova lista de países com proibição de viagem para os Estados Unidos, por sua pouca segurança ou falta de cooperação com as autoridades americanas, informou o governo. Segundo os especialistas, seria uma possível réplica sísmica do tremor causado pelo teste nuclear de 3 de setembro. Na ocasião, a Coreia do Norte afirmou que estava testando uma bomba de hidrogênio.O Ministério de Relações Exteriores da China ainda não se manifestou sobre o tremor, mas a notícia foi amplamente veiculada pelas agências estatais do país.

Mas, de acordo com a Casa Branca, tal afirmação não faz sentido.

Na sexta-feira (22), o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, pediu na ONU para que "as cabeças quentes esfriassem".

Janot não é convidado para a posse de Raquel Dodge Janot não é convidado para a posse de Raquel Dodge Durante o encontro, o procurador ganhou 1 arco e uma flecha de origem indígena, da tribo Xokó, como presente de aniversário. No evento, ao falar sobre o fim de seu mandato, o PGR afirmou: " Enquanto houver bambu, lá vai flecha ".

Trump faz dura ofensiva contra a Venezuela na ONU Trump faz dura ofensiva contra a Venezuela na ONU Participam também do encontro o presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, e o da Colômbia, Juan Manuel Santos. Ele acrescentou que os Estados Unidos estão preparados para tomar atitudes, mas não detalhou quais seriam.

Ex-governador do Rio de Janeiro condenado a 45 anos de prisão Ex-governador do Rio de Janeiro condenado a 45 anos de prisão A casa foi comprada em dezembro de 2015 por R$ 2 milhões e estava no nome da esposa do ex-governador, Adriana Ancelmo. Em junho, o juiz federal Sérgio Moro condenou a 14 anos e 2 meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro.