Sexta-feira, 23 Junho, 2017

"Maior bomba não-nuclear" dos EUA mata 94 militantes no Afeganistão

GBU-43/B Massive Ordnance Air Blast GBU-43/B Massive Ordnance Air Blast
Viriato Gomes | 16 Abril, 2017, 03:11

O homem que dirigiu o Afeganistão entre 2004 e 2014 afirmou que "esta não é uma guerra contra o terrorismo, mas o uso indevido, desumano e mais brutal do país (Afeganistão) como terreno de experiência de novas e perigosas armas".

A bomba lançada na província de Nangarhar, no Afeganistão, perto da fronteira com o Paquistão, foi transportada num avião MC-130 - o mesmo tipo de avião utilizado para reabastecer helicópteros de combate.

Segundo Waziri, uma base utilizada pelo Estado Islâmico foi destruída no ataque. A agência de notícias Reuters afirmou que uma vila localizada a cerca de cinco quilómetros da explosão foi afectada pelo impacto da bomba.

O bombardeamento foi executado na quinta-feira às 19:32 locais (16:02 de Lisboa) em Nangarhar, no leste do país.

O porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, indicou ontem que o objetivo era acabar com um "sistema de túneis e cavernas" do EI no Afeganistão que "lhes permitia mover-se com liberdade e atacar com mais facilidade os militares americanos e as forças afegãs".

Partida entre URT e Atlético será em Belo Horizonte
No ano passado, durante o Campeonato Brasileiro , o presidente do Atlético criticou o América pela venda de mando de campo. "O pedido da URT para jogar, como mandante, no Estádio Governador Magalhães Pinto ( Mineirão )", destacou no ofício.

Inflação do 1º trimestre é a mais baixa desde o Plano Real
Os alimentos que tiveram baixa no preço foram o feijão-preto (-9,11), o feijão-carioca (5,59%) e o feijão-mulatinho (4,50%). O agrupamento dos não alimentícios ficou com variação de 0,32%, abaixo da taxa de 0,59% de fevereiro.

Papa condena ataque a igreja cristã copta no Egito
A polícia isolou os locais das explosões e acionou o esquadrão antibombas para rastreamento de outras possíveis ameaças. Pouco depois deu-se uma segunda explosão à entrada da igreja de São Marcos em Alexandria, cidade setentrional do Egito.

O governo afegão disse ainda ter sido informado de antemão sobre o lançamento da bomba, acrescentando que a explosão não causara vítimas entre a população civil.

O uso da GBU-43/B, a bomba não nuclear mais potente do arsenal bélico norte-americano e designada por Washington como "MOAB" [sigla inglesa para "mãe de todas as bombas"], foi considerado por John Nicholson, comandante das forças militares norte-americanas no Afeganistão, como "justificado", numa conferência de imprensa que hoje teve lugar na capital afegã, Cabul.

Foi desenvolvida para o Exército norte-americano por Albert L. Weimorts Jr., já falecido, e começou a ser fabricada em 2001 no laboratório de investigação da Força Aérea. Outro teste foi realizado em 21 de novembro do mesmo ano. Uma das principais características desta bomba é a capacidade de atingir grandes profundidades e destruir construções, como túneis. Esmail Shinwar adiantou que a bomba GBU-43 matou "pelo menos 92 combatentes do Daesh".

O projétil tem potencia quatro vezes maior que a bomba usada pelos EUA e foi desenvolvido pelos russos no início dos anos 2000, testada com sucesso em 2007.

Explosão atinge ônibus do Dortmund, deixa um ferido e jogo é adiado Explosão atinge ônibus do Dortmund, deixa um ferido e jogo é adiado O esportista ferido foi o zagueiro Marc Bartra , que já foi encaminhado para um unidade de saúde da região. A partida contra o Monaco vai ser realizada nesta quarta-feira, às 13:45h, horário de Brasília.

EUA dizem que podem atacar mais, mas esperam que não seja necessário EUA dizem que podem atacar mais, mas esperam que não seja necessário Enquanto isso, o presidente da Turquia , Recep Tayyip Erdogan, comemorou os ataques e pediu que tomem medidas suplementares. No anúncio, os militares russos disseram ainda que seis jatos foram destruídos na base e que a pista está intacta.

Saiu! Veja o primeiro trailer de Star Wars: Os Últimos Jedi Saiu! Veja o primeiro trailer de Star Wars: Os Últimos Jedi O filme anterior, O Despertar da Força (2015), termina com a chegada de Rey ao planeta Ahch-To, onde encontra Luke Skywalker . De realçar também a breve aparição de Carrie Fisher, no papel da general Leia Organa.